sexta-feira, 1 de abril de 2011

Eu apoio o Aleitamento Materno!

Indicado por Pediatria Brasil

Bom dia amigas!!!
Animadas com o sorteio???

Vim para divulgar a campanha e contar para vocês como foi a amamentação das crianças.
Quando a Cecília nasceu eu ainda não tinha bico formado, (e não tenho até hoje!!) Então foi aquele sofrimento que todas conhecemos. Usa o suga suga (esqueci o nome!!), enche a mamadeirinha (levava uma hora pra encher 30 ml ai meu pai). E ela mamava em 5 segundos.
No início eu achei que não daria conta não, peito todo machucado, eu chorava de dor. E meu marido coitado, me dava apoio moral que era a unica coisa que ele podia fazer!! 
Mas eu não desisti. Minha mãe falava que os primeiros quinze dias eram assim mesmo. E eles nunca passavam!!! Foram 15 dias que duraram um mês!!
Quando o peito curou foi a benção!!! O leite jorrava e a Cecília mamava o dia todo. era só pedir que o peitão já estava do lado de fora! As vezes o esquecia pra fora da roupa depois das mamadas! 
Normalllll!!!
Ela mamou até completar 5 meses. Eu operei as amígdalas (sempre me perturbaram muito!!!) e comecei a tomar uns remédios que eu achava forte. Fui parando de dar o peito e ela rapidamente se acostumou com a mamadeira!!!
Foi tranquilo pra nós duas!!
O Antonio foi um pouco diferente. O início foi só um pouco melhor, o bico invertido estava lá!! Mas feriu bem menos no início. E depois era só alegria. 
Quando estava pra voltar das ferias, já terminada a licença, mudei de emprego. Então voltei a trabalhar uns 15 dias antes do previsto. 
Ficava menos tempo com ele. 
Ele mamava pela manhã e a noite quando chegava, ficava louco. Mas como mamava menos foi se desapegando.
Um belo dia, com 9 meses, ele só brincava com o peito. Colocava o peito na boca e não queria saber de mamar!
Parou!
Abandonou o peito da mamãe!!
E agora qdo ele coloca o peito na boca sabe o que ele faz??? Ansia buaaaaaaaaaaa!!!!!

Mas a experiencia foi maravilhosa. Saber que eu estava alimentando meus filhos e que eles não precisavam de mais nada. Apenas o leite que eu produzia os alimentava de forma absoluta. 
Sinto saudade de quando o peito resolvia tudo!!!

Agora se vocês quiserem conhecer um pouco mais da campanha, clica AQUI

E as amigas que vou indicar pra também divulgarem são:
Ana Bananna
Patricia Abreu
Naty
Natasha
Débora Caldas

Bjus

5 comentários:

Ateliê Ana Bananna disse...

Oi florzinha.

Amei a campanha e vou divulgar sim.

Vou aproveitar e contar como foi a minha experiência na amamentação.

Em resumo maravilhosa.

Logo na maternidade a enfermeira chegou mostrou como eu dava o peito, mas eu não entendi direito... Rs.

Mas meu marido entendeu, então quando era hora do meu filho mamar, meu marido vinha, beliscava meu peito e encaixava na boca do nosso filho, quando eu ficava vesga de dor, ele sabia que o Rafa tinha conseguido pegar o peito e estava mamando.

A primeira semana foi bem dolorida, mas o peito cicatrizou logo, usei uma pomada própria para isso e casca de banana que também é cicatrizante.

Uma coisa que todos falam pra fazer e não devemos fazer de forma alguma é esfregar o bico do peito, tipo esfoliar para preparar para a amamentação, isso tira a proteção natural da pele do peito e não dá certo. Não façam isso.

Conclusão meu filho mamou até os 2 anos e 2 meses e largou naturalmente, eu chamava de a hora do tetê denguinho, era muito gostoso, ele enrolava os dedinhos na minha roupa e fazia cara de dengo, muito fofo.

Larguei o peito pra fora várias vezes também... Rs.

E amamentava ond eu estava, não tinha vergonha de nada, pra mim só importava alimentar meu bebê e nada mais.

Beijos e brigadinha pelo selinho flor.

Sheila disse...

Animadíssima para o ...sorteio....

a minha história é parecida com a da Ana Luiza e com um extra....como eu tinha muito leite, além de congelar para enviar ao meu pequeno na escolinha eu amamentei durante 3 meses um outro bebê....não tem alegria maior.....

Marcia disse...

Que delícia amamentar!!! Minha filhinha mamou até mais de dois anos também!! A dureza foi dolorida para a mamãe .. quando ela abandonou o peito!!BuÀÀÀ!!!
A participação do papai é muito importante na amamentação, pois quando a dor no bico do peito aparece as mamães quase desistem!! Eu não tive problema algum, desde a primeira mamada só alegria!! Usei aquelas conchas de silicone uns dias antes. Durante o período da amamentação além de higienico o leite não manchas nossas roupas e ao ser armazenado na concha, o bico fica hidratado. Aconselho todas mamães a usarem essas conchinhas!!!
Minha filha é muito saudável, só vê a pediatra nas visitas rotineiras. Creio que a amamentação é de extrema importância na vida e no desenvolvimento da criança!!!

Bjus a todas!!!

Marcia

Fabi Borges disse...

Essa é a parte melhor do relacionamento mãe e filho. Meu primeiro filho mamou até 2 anos e 5 meses. Nos primeiros dias ainda no hospital, o bico sangrou e as enfermeiras me davam casca de banana. Aquele queimava. Era horrivel, mas qdo chegamos em casa não havia mais nada. amava a carinha dele mamando e pedindo pra mamar. Na época eu tinha uma escola infantil, então ele mamava o dia todo, pq eu nunca neguei. Ele se deliciava. Era muito bom. Brincavamos enquanto isso, trocavamos afeto, caricias. Delicioso. Qué mama!!! Lindo!!! Qdo quis parar, vou super tranquilo. Minha caçula mamou, acreditem até 5 anos e 3 meses e ainda hj com 6, de vez em quando vem matar a saudade. Eu sou super resolvida quanto a isso. Não há coisa melhor nesta vida. Ela dizia: qué mamazão!!! Em ambos os casos, eu tinha leite pra dar e vender, mas nunca consegui tirar. Depois de 4 meses que ela nasceu, já cpmecei a trabalhar. Na época eu trabalhava apenas 4:30. então eu saia e deixava -a dormindo e quando voltava já estava no banho. Dormia muito bem a tarde. Então eu chegava já com a blusa molhada e os peitos enormes e ela se esbaldava. Tentava deixar potinhos de leite, mas se ela acordava antes do previsto, minha mãe pegaca todos os potes que eu me matei pra tirar e fazia "uma" mamadeira kkkkkkk. Foi a melhor fase de nossas vidas. Detesto ouvir mães que tiram as crianças do peito. Quer alimento melhor? Como meu pai sempre diz: está pronto a qualquer hora, na temperatura ideal e fonte de todas as vitaminas necessarias ao bebe. Apoio fielmente a campanha!!!

Débora Caldas disse...

Olá! Meu Pietro deixou o peito aos 10 meses de idade. Eu fui para o pediatra toda chorosa, pois meu bebê não queria mais mamar.
O peditra falou:
- Mãe, você começa a introduzir aos 6 meses de idade novos alimentos próprio da idade. Isso é uma forma de desmame. O seu filho com 10 meses já se sente um rapaz! Cada criança tem o seu tempo. E o Pietro acabou aos 10 meses. Veja o lado bom: nem você e nem ele passaram pelo estresse de tirar/negar o peito para seu filho.

Resultado: Sai de lá bem mais tranquila e pensando no que ele falou. Realmente, não tive que negar o peito para ele.

Estou levando o selinho.

BEijos